Cirurgia Bariátrica Curitiba

REDUZ A CAPACIDADE DO ESTÔMAGO

O Balão Intragástrico auxilia no emagrecimento pois aumenta a sensação de saciedade. Procedimento reversível, feito sob sedação leve. Atendimento ágil.

Entre em contato

Conheça mais O

Dr. Caetano Marchesini

É uma prótese de silicone, semelhante à prótese que as mulheres usam para aumentar os seios, porém seu formato é esférico, possui uma superfície lisa e apresenta uma válvula por onde é insuflada dentro do estômago do paciente. O  tipo de silicone utilizado é diferente do usado nas próteses. o silicone do balão é feito para resistir às ações da acidez do estômago.
A presença do balão dentro do estômago causa uma sensação de saciedade (estômago cheio). O
paciente sente-se satisfeito mais rapidamente quando se alimenta.
Este fenômeno chama-se saciedade precoce, a saciedade precoce é um dos mecanismos utilizados em cirurgias para obesidade como grampeamento do estômago ou a banda gástrica ajustável. Estes métodos são indicados em pacientes com obesidade mórbida.
Basicamente qualquer paciente com IMC entre 28 e 35 Kg/m2 que já tenha se submetido a outros tratamentos convencionais ou com IMC acima de 35 Kg/m2 que não quer se submeter à cirurgia e tentar mais uma vez um tratamento clínico.

A presença do balão dentro do estômago causa uma sensação de plenitude (estômago cheio). O paciente sente-se satisfeito mais rapidamente quando se alimenta.

Este fenômeno chama-se saciedade precoce, a saciedade precoce é um dos mecanismos utilizados em cirurgias para obesidade como grampeamento do estômago ou a banda gástrica ajustável. Estes métodos são indicados em pacientes com obesidade mórbida.

Quem pode colocar o balão?

Basicamente qualquer paciente com IMC entre 28 e 35 Kg/m2 que já tenha se submetido a outros tratamentos convencionais ou com IMC acima de 35 Kg/m2 que não quer se submeter à cirurgia e tentar mais uma vez um tratamento clínico.

Como é colocado?

Ao contrário dos outros procedimentos que são cirúrgicos, o balão é colocado através de uma endoscopia digestiva para que seu posicionamento e enchimento possa ser acompanho. É um procedimento ambulatorial no qual o paciente é sedado.

O balão é preenchido com soro fisiológico adicionado de um corante azul chamado azul de metileno. Se o balão romper o corante azul é absorvido pelo intestino e o paciente começa a urinar azul. Neste caso o balão, deve ser retirado ou trocado, dependendo da época do tratamento em que acontecer.

ATENÇÃO: balão não explode!

Atualmente nossa casuística ultrapassa 3200 balões colocados e tivemos apenas um caso que o balão se rompeu antes do prazo de seis meses.

A vida média do balão é de seis meses. É muito importante observar em cada paciente a sua curva de emagrecimento. Trabalhos científicos têm demonstrado que o maior volume de perda de peso ocorre nos primeiros 4 meses.

Elipse é um balão de material muito fino semelhante a um papel celofane. Ele fica comprimido dentro de uma cápsula presa a um fino tubo que deve ser engolido pelo paciente com orientação através de radioscopia (RX). O objetivo do Raio X é saber quando o balão chega ao estômago. Uma vez posicionado o balão, o tubo de preenchimento é conectado numa bolsa que
contém um líquido especial para preencher o balão. Após todo o líquido entrar no balão, o cateter de preenchimento é tracionado liberando o balão dentro do estômago. Este é um balão diferente que não precisa de endoscopia. O líquido que é preenchido no balão, após quatro meses corrói o sistema que deixa o orifício de preenchimento do balão fechado e ele se esvazia espontaneamente, sendo este expulso pelo intestino.

Em tempos de quarentena marque uma consulta pelo WhatsApp

*Atendimento via Skype ou Whatsapp vídeo

Acompanhamento

Sim, é muito comum o paciente passar por uma fase de adaptação. De 4 a 6 horas após a colocação, a maioria dos pacientes apresentam náuseas, vômitos e sensação de peso causando desconforto. Todos estes sintomas são tratados com medicação oral e endovenosa e devem passar em dois ou três dias. Se o paciente não se adaptar à presença do balão, é realizado novo exame de endoscopia para sua retirada.

A vida média do balão é de seis meses. É muito importante observar em cada paciente a sua curva de emagrecimento. Trabalhos científicos tem demonstrado que o volume maior de perda de peso ocorre nos primeiros 4 meses.

Após seis meses, uma nova endoscopia é realizada para a retirada do balão. O balão é perfurado e esvaziado com um kit especialmente elaborado para sua retirada.
 
O paciente com obesidade deve ser acompanhado por toda sua vida para que os resultados de qualquer tratamento sejam satisfatórios.
O balão é retirado vazio através da endoscopia. Após o tratamento o paciente deve continuar sendo acompanhado pelo psiquiatra e manter o hábito da atividade física.

Entre em contato

Endereço

Rua Bruno Filgueira, 369
Batel, Curitiba|PR

Telefone

41 3342.6264
41 9266.7070